SUSANE VIDAL


Jornalista, escritora, professora universitária e mestre de cerimônia.

27
set
2016

Pessoas que surpreendem

3 Comentários

Julgar as pessoas antes mesmo de conhecê-las é um erro que devemos evitar. Todo mundo tem um tempo para desabrochar, florecer, mostrar frutos. Alguns são rápidos e convencem logo no início, outros precisam de mais espaço para se sentir confortáveis a ponto de mostrar suas habilidades. Mas uma coisa é certa...

Todos nós somos únicos!!!

3 Comentários

Pedro em 28 de setembro de 2016 16:19 disse:

“Cada um é muita gente.
Para mim sou quem me penso,
Para outros – cada um sente
O que julga, e é um erro imenso.”

(Do que sempre bem explicou as surpreendentes pessoas… Fernando Pessoa)

Clarice Meireles em 3 de outubro de 2016 12:15 disse:

Precários, suscetíveis ao todo, estamos presos a uma inescapável transitoriedade: Somos únicos em nossas multiplicidades… E múltiplos em nossos julgamentos. “Imperfeição” fascinante de um vulnerável bichinho, demasiado humano.

Jeane em 18 de outubro de 2016 16:30 disse:

Nós temos o hábito de só olhar a capa e nunca abre o livro.

Deixe seu comentário


Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.